Alimentos puxam alta de 0,35% do IPC-S

SÃO PAULO, 9 de março de 2009 - A última semana foi de alta dos preços de alimentos in natura, segundo levantamento da Fundação Getúlio Vargas (FGV). De acordo com a entidade, na semana terminada em 07 de março , o Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) registrou alta de 0,35%, taxa 0,14 ponto percentual maior que a mediação da semana anterior.

O avanço foi puxado pelo grupo Alimentação (-0,12% para 0,24%), que sofreu impacto da varição de Hortaliças e Legumes (1,49% para 1,94%) e Frutas (-3,30% para 0,37%).

Apesar disso, também contriburiram para o acréscimo da inflação ao consumidor, as categorias Vestuário (-0,71% para -0,27%), Habitação (0,25% para 0,28%), Saúde e Cuidados Pessoais (0,70% para 0,72%) e Transportes (0,66% para 0,72%), sendo que as principais influências para cada um desses grupos partiu de: Roupas (-0,95% para -0,43%), Material para Limpeza (-0,12% para 0,15%), Serviços de Cuidados Pessoais (0,77% para 0,86%) e Tarifa de Metrô (4,08% para 5,51%), nesta ordem.

Em contrapartida, houve queda em Despesas Diversas (0,18% para 0,12%) e Educação, Leitura e Recreação (0,49% para 0,46%) por conta da redução dos preços de Alimento para Animais Domésticos (-1,26% para -1,39%) e Cursos não Formais (1,91% para 1,60%), respectivamente.

(Vanessa Stecanella - InvestNews)