BCE deve cortar juro em 0,5 ponto e reduzir previsões

REUTERS

LONDRES - O Banco Central Europeu (BCE) deve reduzir a taxa básica de juro da zona do euro em 0,5 ponto percentual, para um recorde de baixa de 1,5%, nesta quinta-feira e cortar suas previsões econômicas para 2009 e 2010 de modo que elas reflitam o acelerado ritmo de deterioração da região.

Todos os 78 economistas consultados em pesquisa da Reuters acreditam que a taxa passará de 2% para o menor nível nos 10 anos de história do banco. A decisão do banco sobre o juro será anunciada às 9h45 (horário de Brasília).

O mercado espera também que o BCE renove sua promessa de dar suporte aos mercados. Os analistas também preveem que o presidente do BCE, Jean-Claude Trichet, sugira em sua entrevista coletiva às 10h30 que o banco está perto de decidir outras medidas para estimular a economia, uma vez em que o juro já se aproxima de zero.

O BCE também divulgará seu relatório trimestral econômico e o mercado espera uma forte revisão para baixo ante os prognósticos feitos em dezembro.

A estimativa atual para o Produto Interno Bruto (PIB) é de uma faixa de estabilidade a queda de 1% neste ano e de expansão de entre 0,5% e 1,5% em 2010.