Toyota vai pedir empréstimo no Japão para reforço de caixa

Agência AFP

AFP - A filial financeira do gigante japonês do automóvel, Toyota, anunciou que vai recorrer à ajuda pública para um reforço de caixa, em meio à crise econômica mundial. Segundo a agência de notícias Jiji esse auxílio seria de 200 bilhões de ienes (1,7 bilhão de euros).

O empréstimo será solicitado junto ao Banco japonês de Cooperação Internacional (JBIC), um organismo que atua junto ao governo e que tem como missão principal apoiar a expansão de empresas japonesas no exterior.

- A medida é destinada a diversificar nossos recursos financeiros, num momento em que a situação torna-se mais tensa no cenário internacional, principalmente nos Estados Unidos - afirmou um funcionário da Toyota Financial Services, Mio Sugito.

Se o empréstimo for concedido efetivamente, será a primeira vez que o JBIC emprestará dinheiro a um construtor automobilístico.

Toyota, o primeiro do mundo no setor, foi atingido em cheio pelo desabamento dos principais mercados, principalmente os dos Estados Unidos. Prevê concluir o exercício 2008-2009 com pesadas perdas, apesar dos lucros recordes do ano anterior.

Na terça-feira, o ministro das Finanças Kaoru Yosano havia anunciado que o Japão emprestaria, por sua vez, à JBIC, US$ 5 bilhões retirados das reservas cambiais do país para ajudar as empresas nipônicas com dificuldades em encontrar financiamentos em outras divisas.