Chrysler dá licença coletiva à 1.200 no Canadá

SÃO PAULO, 4 de março de 2009 - A montadora norte-americana Chrysler anunciou hoje que dará licença coletiva, por tempo indeterminado, para 1.200 empregados de sua fábrica de Windsor, na província canadense de Ontário.

A companhia suspenderá o terceiro turno de trabalho na fábrica a partir do dia 24 de junho, adotando uma licença coletiva.

A fábrica de Windsor emprega atualmente 4.450 operários. A empresa negocia com os governos canadense e de Ontário um plano de ajuda à montadora no Canadá. Desde 2007, a Chrysler já demitiu mais de 32 mil empregados e planeja despedir outros 3 mil em 2009.

(Redação com agências internacionais - InvestNews)