Dow Agrosciences foca pastagem e semente

SÃO PAULO, 9 de fevereiro de 2009 - As linhas de pastagens e sementes serão a prioridade para a Dow Agrosciences neste ano. A empresa aposta na sustentabilidade na pecuária como uma das armas para avançar na venda de tecnologias para essa prática. ´O ano passado foi bom e 2009 já começou bem´, diz o gerente de marketing da linha de pastagens da empresa, Douglas Ribeiro. ´A crise não atrapalhou. Os sistemas produtivos continuam investindo.´

Segundo ele, a demanda crescente por carne e a invasão da agricultura nas áreas de pastagem vão obrigar o pecuarista a usar a sustentabilidade para aumentar ou ao menos manter a produtividade atual. ´O mercado demanda e a legislação força a sustentabilidade.´ De acordo com Ribeiro, a pecuária brasileira é uma das mais apropriadas a essa prática ´pois tem pasto.´

Para ser sustentável, o uso de tecnologia é inevitável. Ribeiro conta que a tecnologia é essencial para manter a área e aumentar o rebanho. ´É preciso controlar as plantas invasoras para elevar o potencial da gramínea e aumentar a produtividade por hectare.´ O gerente da Dow Agrosciences diz que as pastagens são exploradas até se esgotarem. ´Quando acaba o pecuarista arrenda para a cana-de-açúcar.´

(Sérgio Toledo - InvestNews)