S&P classifica fundos brasileiros fortes contra perdas

SÃO PAULO, 20 de janeiro de 2009 - A agência de classificação de riscos Standard & Poor´s atribuiu o rating ´brAA-f´ aos Fundos de Investimento em Direito Creditório (FIDCs) Emae, da Empresa Metropolitana de Águas e Energia, e ao FIDC CEEE II, da Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica, na escala nacional Brasil. Segundo a agência, a nota expressa a qualidade geral de crédito dos fundos, com base no histórico de inadimplência e de transição de ratings da S&P.

Além disso, segundo a agência, o rating atribuído indica que a estrutura, os mecanismos de reforço de qualidade de crédito das carteiras, bem como a qualidade dos ativos que as compõem fornecem uma proteção Muito Forte contra perdas advindas de inadimplência, baseado em diferentes cenários de estresse.

(Redação - InvestNews)

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais