Lula diz que novas medidas anticrise sairão até o fim do mês

Portal Terra

TERRA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva informou nesta terça-feira aos ministros que integram a chamada Coordenação Política de governo, principal instância de discussão no Palácio do Planalto, que novas medidas para combater os efeitos da crise financeira mundial serão anunciadas até o fim do mês.

O prazo para a divulgação das novas políticas do governo para aquecer a economia interna coincide com o fim das férias dos ministros da equipe econômica. Guido Mantega, da Fazenda, Henrique Meirelles, do Banco Central (BC), e Paulo Bernardo, do Planejamento, retornam às suas atividades na próxima semana e devem manter reunião com o presidente para definir os detalhes finais do novo pacote.

Após férias de dez dias, Lula comentou com seus ministros de que a ordem é fazer "o que for possível" para evitar que o desemprego se alastre por setores-chave da economia. Nesta segunda-feira, o presidente declarou que, se necessário, a idéia é "inventar" novas obras para gerar postos de trabalho.

Em dezembro, o Ministério do Trabalho anunciou queda de 40 mil vagas com carteira assinada em comparação com novembro. A General Motors, por sua vez, anunciou o desligamento de 744 funcionários temporários em São José dos Campos (SP), o que provocou paralisações dos trabalhadores na fábrica e ameaça de greve na montadora.