Ibovespa recua quase 2% pouco depois da abertura

SÃO PAULO, 13 de janeiro de 2009 - Após 15 minutos de negociações, o índice acionário da BM&FBovespa mantém o movimento de queda registrado na abertura dos negócios. Instantes atrás, a bolsa brasileira marcava desvalorização de 1,9%, aos 38.652 pontos. O giro financeiro estava em R$ 175,4 milhões.

Entre as ações com maior peso na carteira teórica (que vigora de 02 de janeiro a 30 de abril), Petrobras PN (PETR4) caía 1,89%, para R$ 23,30; Vale PNA (VALE5) recuava 2,1%, a R$ 25,63; BM&FBovespa ON (BVMF3) operava em queda de 3,12%, a R$ 6,20; Bradesco PN (BBDC4) registrava desvalorização de 1,11%, a R$ 23,00; e Itaú PN (ITAU4) perdia 1,35%, a R$ 26,97.

Já o Ibovespa com vencimento em fevereiro registrava queda de 1,87%, aos 39.350 pontos, nas negociações futuras da BM&FBovespa.

(Redação - InvestNews)