Citigroup confirma conversas sobre fusão com Morgan Stanley

REUTERS

REUTERS - O Citigroup confirmou que está em conversas com o Morgan Stanley sobre a fusão de suas operações de corretagem.

Em um comunicado divulgado nesta terça-feira, o Citigroup disse que mantém discussões para combinar sua corretora Smith Barney com a área de gestão de riquezas do Morgan Stanley. Segundo o comunicado, nenhum acordo foi fechado até agora.

Os comentários de que as duas instituições estariam negociando a fusão apareceram na sexta-feira.

A expectativa é de que o Citigroup tenha uma fatia de 49 por cento na joint venture e receba pagamento de 2,5 bilhões de dólares do Morgan Stanley, de acordo com pessoas que acompanham a negociação.

O Morgan Stanley deve comprar toda a participação do Citigroup em poucos anos, acrescentaram as fontes.

Analistas têm ampliando sua estimativa de prejuízo para o Citigroup após notícias de que o terceiro maior banco norte-americano poderia divulgar perda operacional de 10 bilhões de dólares no quarto trimestre. O resultado está previsto para o dia 22.