Funcafé libera R$ 222 milhões para agentes

SÃO PAULO, 23 de dezembro de 2008 - O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) liberou hoje R$ 222,9 milhões, por meio de recursos do Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé). Do total, R$ 191 milhões foram destinados às linhas de estocagem, R$ 14,3 milhões ao Financiamento para Aquisição de Café (FAC) e R$ 17,5 milhões às lavouras afetadas por chuva de granizo em Minas Gerais. Ao todo, seis agentes financeiros receberam recursos.

De acordo com o diretor do Departamento do Café, Lucas Tadeu Ferreira, neste ano, já foram repassados aos bancos, R$ 2,1 bilhões. "O orçamento do Funcafé, para 2008, é de R$ 2,3 bilhões para apoiar a cafeicultura. Portanto, as liberações poderão ser feitas até o dia 31 de dezembro, com base na solicitação dos bancos e segundo a disponibilidade financeira do fundo", explicou.

Podem participar do financiamento produtores, cooperativas e indústrias torrefadoras. No caso da linha de estocagem e do FAC, os interessados deverão procurar os bancos até 31 de janeiro de 2009. Já os beneficiários das linhas de financiamento das lavouras afetadas por chuva de granizo em Minas Gerais têm até 31 de março de 2009 para procurar um agente financeiro.

(Redação - InvestNews)