Crédito atinge 40,3% do PIB brasileiro em novembro

SÃO PAULO, 23 de dezembro de 2008 - O saldo total de empréstimos atingiu R$ 1,209 trilhão em novembro, volume 2% maior se comparado ao mês anterior e de 32,8% ante novembro de 2007. Esse volume respondeu por 40,3% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, ante 39,6% em outubro último e a 33,6% em novembro de 2007.

De acordo com nota divulgada pelo Banco Central (BC), o volume das operações de crédito do sistema financeiro manteve trajetória de expansão, "para a qual contribuíram as medidas destinadas à preservação da liquidez do mercado doméstico, que compensaram, em parte, os efeitos decorrentes da crise internacional".

Os empréstimos concedidos com recursos livres totalizaram R$ 863,4 bilhões, registrando crescimentos de 1,7% no mês e de 34,5% em relação a novembro de 2007. Já o saldo das operações de crédito com recursos direcionados totalizou R$ 346 bilhões, assinalando expansões de 3% no mês e de 28,6% no período de doze meses. A variação mensal resultou, basicamente, da expansão de 4,2% nos financiamentos realizados pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), cujo saldo atingiu R$ 202,6 bilhões.

(VC - InvestNews)