Fed da Filadélfia não leva a sério a deflação

SÃO PAULO, 2 de dezembro de 2008 - O presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) da Filadélfia, Charles Plosser, afirmou hoje que não leva a sério a ameaça de deflação nos Estados Unidos.

"A forte queda nos preços do petróleo gerou uma baixa do índice de preços ao consumidor, o que levou alguns analistas a abordar que os Estados Unidos estavam ameaçados por uma longa deflação. As recentes quedas são reflexos das altas que vimos antes ao longo do ano", analisa.

(Redação com agências internacionais - InvestNews)