Vale corta produção de minério para se adequar a cenário global

REUTERS

SÃO PAULO - A Vale anunciou nesta sexta-feira que vai cortar sua produção de minério de ferro em 30 milhões de toneladas métricas anuais a partir de 1o de novembro para se adequar ao cenário de desaceleração do crescimento da economia global.

A companhia decidiu paralisar a partir do sábado as atividades de algumas minas, produtoras de minérios de menor qualidade, localizadas nos Sistema Sul e Sudeste, em Minas Gerais. Segundo a Vale, essas unidades apresentam maior custo e produzem minérios de qualidade inferior relativamente aos demais produzidos pela mineradora.

- No futuro, esses minérios poderão enfrentar dificuldades de colocação, tendo em vista a redução de demanda já verificada. Essa é uma ação que visa adequar a oferta da Vale à situação de mercado, evitando a estocagem desnecessária de produtos. Assim, como decorrência das paralisações acima mencionadas, nossos empregados nessas unidades entrarão em férias coletivas- informou a Vale em comunicado.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais