Economia durante Horário de Verão pode chegar a 5%

SÃO PAULO, 17 de outubro de 2008 - A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços estima que o Horário de Verão deste ano reduza de 4% a 5% a demanda de energia no horário de ponta, entre 18h e 21h. A partir da zero hora deste domingo, dia 19, os relógios deverão ser adiantados em uma hora, contribuindo para economia de 1790MW, suficientes para abastecer 65% da cidade do Rio de Janeiro neste horário.

A partir deste ano, o Horário de Verão passará a ter período fixo - início no terceiro domingo de outubro e término no terceiro domingo de fevereiro - determinado em decreto pelo Ministério de Minas e Energia. A redução da demanda de energia proporcionará uma economia de R$ 30 milhões, com a redução da geração térmica

(Redação - InvestNews)