S&P classifica FIDC da Teuto forte contra inadimplência

SÃO PAULO, 16 de outubro de 2008 - A agência classificação de riscos Standard & Poor's atribuiu o rating 'brAAf' preliminar ao Teuto Fundo de Investimento em Direito Creditórios (FIDC) na escala nacional Brasil. Segundo a agência, a nota expressa a qualidade geral de crédito do fundo, com base no histórico de inadimplência e de transição de ratings. "O rating indica que sua estrutura, seus mecanismos de reforço de qualidade de crédito, bem como a qualidade dos ativos que compõem sua carteira fornecem uma proteção muito forte contra perdas advindas de inadimplência, baseado em diferentes cenários de estresse", diz o documento.

Os mecanismos de reforço de qualidade de crédito incluídos no Fundo incluem a proteção de crédito proporcionada pela subordinação de cotas (16,5%) e o spread excedente, representado pela diferença entre a remuneração alvo das cotas seniores, equivalente a 2% ao ano.

(Redação - InvestNews)