Investidores reagem com cautela à aprovação do senado

SÃO PAULO, 2 de outubro de 2008 - O mercado reage com cautela à aprovação do pacote pelo senado dos Estados Unidos para ajudar o sistema financeiro. Isso porque os investidores aguardam sua deliberação, pela Câmara dos Representantes, até amanhã. É o que acredita Alex Agostini, economista chefe da Austin Rating.

"Os investidores estão cautelosos porque a Câmara dos Representantes - que reprovou da última vez - ainda não deu aval para o pacote de resgate. Eles não querem apostar todas as suas fichas antes de passar pela Câmara porque podem registrar prejuízos com o movimento", afirma Agostini.

Ontem à noite, o senado dos Estados Unidos aprovou o plano de salvamento com 74 votos a favor e 25 contra.

Outro ponto ressaltado pelo economista é uma possível redução na taxa básica de juros dos Estados Unidos. "Talvez, dependendo da reação do mercado quanto à aprovação ou não, o Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) pode se antecipar - uma vez que a reunião está agendada para 29 de outubro - e reduzir a taxa de juros", diz.

Para Alex Agostini, a Câmara deverá aprovar o plano amanhã, em virtude de tudo o que aconteceu com o mercado na segunda-feira. Caso isso não aconteça, os prejuízos começarão a ser contabilizados.

(Déborah Costa - InvestNews)