Lula: Petrobras terá ainda mais importância com pré-sal

REUTERS

BRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva declarou nesta quinta-feira que a Petrobras se beneficiará da exploração de petróleo da camada pré-sal, ganhando maior importância no cenário mundial.

- A empresa, que levou mais de 50 anos para conquistar a auto-suficiência, fez as descobertas das enormes jazidas do pré-sal, que tornarão ainda mais importante a sua posição no cenário mundial - discursou o presidente durante reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, no Palácio do Planalto.

A declaração do presidente foi feita em meio a especulações de que a Petrobras possa ser prejudicada em um eventual novo modelo a ser adotado para a exploração do pré-sal que passe pela criação de uma nova estatal para administrar as novas jazidas.

O pré-sal é uma faixa em águas ultraprofundas da costa brasileira que vai do Espírito Santo a Santa Catarina e que pode conter bilhões de barris de petróleo, colocando o Brasil entre os maiores produtores mundiais da commodity.

O presidente disse ainda que deu três orientações aos integrantes da comissão interministerial que discute a mudança das regras no setor. A primeira, segundo Lula, é de que o Brasil passe a ser exportador de derivados de petróleo, com maior valor agregado, e não de óleo cru.

Ele determinou também que a Constituição seja respeitada, pois a atual legislação brasileira estabelece que a propriedade das reservas de petróleo é da União.

Por fim, ele orientou que o dinheiro obtido com as novas reservas seja investido em educação e no combate à miséria.

- O pré-sal é o passaporte para o futuro - ressaltou o presidente.

A comissão entregará ao presidente suas sugestões entre setembro e outubro. Segundo Lula, o governo então abrirá a discussão para a sociedade.