OMC: ministros trabalham duro em busca de um acordo em Genebra

Agência AFP

GENEBRA - Um pequeno grupo de grandes atores da economia global tenta penosamente nesta quinta-feira encontrar um consenso para concluir a Rodada de Doha da OMC (Organização Mundial do Comércio), em Genebra, enquanto 30 outros ministros presentes aguardam irritados do lado de fora o resultado das discussões.

Os responsáveis do comércio de Estados Unidos, União Européia, Índia, Brasil, Japão, Austrália e China tiveram discussões até quase 23h de quarta-feira (hora local) sob a coordenação do diretor da OMC, Pascal Lamy, para tentar chegar a um acordo sobre os principais pontos da Rodada de Doha, iniciada há sete anos.

- Nós ainda não chegamos a um ponto de convergência. Em alguns pontos chaves da negociação, as posições ainda continuam muito distantes umas das outras - reconheceu Pascal Lamy na manhã desta quinta-feira, após a reunião do comitê de negociações que reúne os 153 país membros.