Medida do BCE era necessária, diz Trichet

SÃO PAULO, 4 de julho de 2008 - O presidente do Banco Central da Europa (BCE), Jean-Claude Trichet, afirmou que era necessário elevar a taxa básica de juros em 0,25 ponto percentual ontem, para 4,25% ao ano, para conter os riscos da inflação neste momento.

"Não tivemos um impacto direto relacionado à alta nos preços do petróleo, minério de ferro e carvão", disse Trichet ao canal de televisão holandês RTLZ. "Mas tivemos um impacto sobre os aumentos dos preços em geral, pelos quais os agentes econômicos da Europa são responsáveis. E por isso precisamos nos prevenir de uma segunda rodada de efeitos, em que a elevação dos custos provoca um espiral dos preços e dos salários".

O presidente da autoridade monetária afirmou que o crescimento da Zona do Euro pode melhorar no quarto trimestre, após uma desaceleração da expansão no segundo e terceiro trimestres. De acordo com Trichet, a decisão de elevar a taxa básica de juros ajudará a estabilizar os preços em médio prazo.

(Redação - InvestNews)

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais