Light comercializa R$ 3,4 bi no longo prazo

SÃO PAULO, 24 de junho de 2008 - A Light S/A informou hoje que a sua subsidiária Light Esco, que atua nos segmentos de comercialização de energia e prestação de serviços de energia e infra-estrutura, concluiu negociações para comercialização de 220 MW médios, alcançando aproximadamente R$ 3,4 bilhões no longo prazo.

Segundo comunicado enviado ao mercado, destaca-se a negociação com a Votorantim Energia para a venda de até 100 MW médios em contrato até 2027. Com esse contrato, o atendimento às necessidades energéticas do Grupo Votorantim totaliza para o Grupo Light uma receita prevista de cerca de R$ 2 bilhões até 2027.

<LIGT>

(Redação - InvestNews)