Setor privado abre 40 mil postos de trabalho em maio

SÃO PAULO, 4 de junho de 2008 - O setor privado dos Estados Unidos criou 40 mil postos de trabalho em abril quando comparado com o mês anterior, surpreendendo positivamente o mercado que esperava o fechamento de 30 mil postos de trabalho. Os números de março foram revisados para 13 mil vagas criadas, o que significa um avanço de 3 mil frente à medição anterior.

A criação de empregos no setor de serviços apresentou alta de 77 mil postos de trabalho, enquanto que o emprego no setor de bens de produção diminuiu em 37 mil vagas em abril, registrando o 18° mês consecutivo de queda.

Dois setores da economia continuam sendo os mais afetados com a crise do subprime: construções residenciais e atividades financeiras. Em maio, as vagas no setor de construção civil recuaram em 13 mil, atingindo o 18° mês consecutivo de queda. Desde agosto de 2006, as oferta de postos de trabalho no setor caiu em 298 mil. Já os empregos no setor financeiro subiram em 5 mil no mesmo período.

Os dados levantados pela consultoria ADP em parceria com a entidade privada Macroeconomic Advisers, são considerados uma prévia do Employment Report.

(Redação - InvestNews)