Vendas de automóveis caem para todos os fabricantes

SÃO PAULO, 3 de junho de 2008 - As vendas de automóveis de todos os fabricantes caíram em maio nos Estados Unidos, devido a temores causados pela alta recorde dos preços do petróleo, que no caso da General Motors levaram também ao fechamento de uma fábrica, informou o grupo nesta terça-feira.

A General Motors, maior montadora americana, registrou uma queda de 27,5% nas vendas de maio nos Estados Unidos, com 272.363 unidades, anunciou o grupo em um comunicado nesta terça-feira. Houve também uma diminuição de 36,7% na procura por modelos grandes, comos os SUVs.

As vendas de veículos de passeio da GM caíram 13,8%, com 130.115 unidades vendidas, enquanto as vendas de modelos pesados retrocederam 36,7%, com 142.248 unidades vendidas. A procura pelo modelo Hummer, que lembra um veículo militar e é um grande sucesso de vendas desde seu lançamento, sofreu uma queda de 60%.

A Ford, por sua vez, anunciou nesta terça uma queda de 16% nas vendas de veículos em maio nos Estados Unidos, com 217.998 unidades negociadas, também devido a uma forte diminuição da demanda por veículos que consomem muito combustível.

As vendas de carros de passeio, no entanto, subiram 3,8% no mesmo mês, com 85.542 unidades vendidas. Ainda assim, foi registrada uma queda de 5% em relação a maio de 2007.

As vendas do fabricante japonês Toyota caíram 8%, mas as de sua marca de luxo

Lexus registraram uma queda ainda maior, de 20%, com apenas 26.593 unidades vendidas, enquanto as marcas Toyota e Scion perderam 6,3%, com 230.811 unidades negociadas nos EUA.

(Redação com agências internacionais - InvestNews)