Suez compra 5% de usina nuclear da Areva

SÃO PAULO, 3 de junho de 2008 - A multinacional francesa Suez comprou 5% de participação na planta de enriquecimento de urânio construída pela também francesa Areva, maior construtora de plantas de energia nuclear do mundo.

De acordo com ambas companhias, o acordo reflete a intenção dos dois grupos de itensificar a atual cooperação industrial. O pacto também garantirá a Suez uma parte das suas necessidades de abastecimento de urânio enriquecido.

O porta-voz da Areva, Julien Dupperray, afirmou que a companhia está aberta para novas vendas de ações limitadas na planta, denominada Georges Besse II e que está avaliada em ? 3 bilhões (US$ 4,7 bilhões). A usina é baseada em tecnologia de ultra-centrifugação e iniciará suas atividades no próximo ano.

O chefe executivo da Suez, Gerard Mestrallet, disse que a companhia pretende operar e possuir reatores de terceira geração até 2020. Ele afirmou também que planeja uma expansão nuclear na Europa, no Oriente Médio e nos Estados unidos.

A Suez já é proprietária da Electrabel, maior produtora de energia da Bélgica e que opera duas usinas nucleares com um total de sete reatores.

(Micheli Rueda - InvestNews)