Safra de amendoim tem novo recorde

SÃO PAULO, 2 de junho de 2008 - O levantamento da 8ª safra 2007/2008 de amendoim, realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), revelou crescimento de 26,3%, em relação à safra anterior, que foi de 225, 7 mil toneladas. A atual projeção é de 285 mil toneladas perdendo apenas, nos últimos 20 anos, para a safra de 2004/2005, com a colheita de 301,5 mil toneladas do produto.

De acordo com a analista da Conab, Zilá Ávila, o crescimento é conseqüência da expansão de 12,3% na área plantada, somado ao aumento de 12,4%, na produtividade. 'Além disso, as boas condições climáticas e o cultivo de variedades de sementes mais qualificadas também impulsionaram a produção', afirmou.

Zilá explica que o plantio do amendoim é praticado pelos agricultores para a renovação dos canaviais. 'A cada quatro ou cinco anos, o cultivo da cana é substituído pelo amendoim para evitar o esgotamento do solo, já que este libera mais nitrogênio. O amendoim é uma cultura de ciclo curto e está com bom preço no mercado' informou.

O estado de São Paulo é responsável por cerca de 75% da produção nacional. O preço pago aos agricultores nas principais regiões produtoras do estado está, em média, 30% maior. O valor da saca de 25 quilos do produto em casca girou em torno de R$ 25. Hoje, o preço pago ao produtor é de R$ 38. Na região de Ribeirão Preto, a saca saiu de R$ 23,50 para R$ 32,00.

(Redação - InvestNews)