Lucro da Rossi cai quase 30% no primeiro trimestre

SÃO PAULO, 16 de maio de 2008 - A Rossi Residencial, incorporadora de imóveis, reportou lucro líquido de R$ 20,3 milhões no primeiro trimestre deste ano, queda de 29,6% ante os R$ 29 milhões (valores ajustados pela prática contábil atual) registrados em igual período do ano anterior.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) totalizou R$ 4,8 milhões de janeiro a março deste ano, uma redução de 78,4% sobre o ano passado cujo Ebitda foi de R$ 22,2 milhões.

A empresa informou que suas vendas contratadas deste trimestre atingiram R$ 415,3 milhões, variação positiva de 11% em relação a 2007. De acordo com a empresa, o cronograma de lançamentos do primeiro trimestre foi afetado pelo adiamento de dois grandes projetos. No mesmo período de comparação, o valor geral de vendas (VGV) foi de R$ 267,9 milhões, sendo que a parte Rossi representa 66% desse total.

Há pouco, as ações ordinárias da empresa recuavam 13,7%, a R$ 15,80.

(Redação - InvestNews)

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais