Sistema Financeiro abre credor em R$ 30 bilhões

SÃO PAULO, 16 de abril de 2008 - O Sistema Financeiro Nacional (SFN) abriu credor em R$ 30 bilhões. Há entrada de R$ 20,998 bilhões no caixa dos bancos de leilões informais (go-around) realizados pelo Banco Central (BC). A previsão para pagamento de tributos federais é de R$ 4,563 bilhões.

No mercado a vista, as primeiras ofertas de recursos de juros indicam taxa anual de 11,18%, ou 0,89% de taxa efetiva. Os investidores aguardam a atuação da autoridade monetária, que deve realizar leilão informal para equilibrar o sistema.

Segundo profissionais de renda fixa, caso o BC atue no mercado à vista a atuação será menor, decorrente, da expectativa com o resultado da reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) que deve promover hoje uma alta da taxa Selic, fixada em 11,25% ao ano. "Como a expectativa é de aumento nos juros os bancos depositam hoje o dinheiro na média móvel para resgatar amanhã mais alto", explica um analista.

Boa parte dos analistas trabalha com a estimativa de que a taxa Selic seja elevada pelo menos em 0,25 ponto percentual por conta do descompasso entre o crescimento da oferta e da demanda agregada. Há no mercado também a ala dos analistas que estimam avanço de 0,50 ponto.

(Maria de Lourdes Chagas - InvestNews)