Air France-KLM comemora acordo de fusão entre Delta e Northwest

Agência EFE

PARIS - O grupo aéreo franco-holandês Air France-KLM aplaudiu nesta terça-feira o projeto de fusão de suas parceiras americanas Delta e Northwest, e afirmou que não precisará mais injetar dinheiro na operação, como havia sido previsto inicialmente, devido aos recursos de liquidez das duas companhias aéreas.

- A Air France-KLM comemora o acordo - diz a companhia, acrescentando que a fusão reforça ainda mais a 'coerência' de suas cooperações no mercado transatlântico.

Em fevereiro, o grupo franco-holandês tinha indicado que estava disposto a participar financeiramente na fusão e especulou-se que o investimento giraria em torno de US$ 750 milhões.

Mas levando em conta os recursos de liquidez das duas companhias aéreas americanas, 'elas já não precisam de financiamentos suplementares por meio de uma ampliação de capital reservada a Air France-KLM - diz a nota.

- Tínhamos respondido positivamente a um pedido de financiamento, embora lembrando que nosso objetivo era facilitar (a fusão entre Delta e Northwest), e evitar outra aliança contrária ao sistema já existente - destacou a Air France-KLM.

Após deixar claro que sua prioridade 'não era investir a longo prazo na indústria aérea americana', expressou sua plena satisfação com o novo esquema, que 'reforça a cooperação norte-atlântica sem necessidade de financiamento'.

No final do mês passado, a Air France e a Delta lançaram uma "joint-venture', depois da entrada em vigor do acordo de céus abertos entre a União Européia e os EUA.

As duas companhias aéreas querem ampliar esta cooperação para a Northwest e a KLM. Na semana passada, as quatro companhias obtiveram sinal verde do Departamento americano de Transporte para poder criar 'em breve' uma cooperação global em forma de 'co-empresa', que oferecerá uma rede "extremamente atrativa' com 'hubs' múltiplos.

O comunicado da companhia destacou, por fim, que a fusão entre a Delta e a Northwest 'facilita e simplifica' a criação da 'co-empresa transatlântica'.