Vendas da Audi na China crescem 25%

SÃO PAULO, 2 de abril de 2008 - A montadora Audi informou que vendeu 30 mil veículos na China no primeiro trimestre de 2008, registrando um aumento de 25% em relação ao mesmo período do ano anterior.

De acordo com Zhang Xiaojun, vice-diretor da FAW-Volkswagen e da divisão de vendas da Audi, nos dois primeiros meses do ano, a companhia registrou vendas de 19.188 unidades e, somente no mês de março, foram vendidos 11 mil veículos. "Como o maior mercado internacional para a Audi, a China contabilizou 10,5% das vendas globais de veículos da companhia", disse Xiaojun.

A fabricante de automóveis luxuosos estabeleceu uma meta anual de vendas de 200 mil unidades na China até 2015, mas é provável que o objetivo seja concluído antes deste prazo.

A Audi vendeu 964 mil automóveis no mercado mundial em 2007, o que concedeu a companhia o terceiro lugar no ranking de carros luxuosos, atrás apenas da BMW e Mercedes Benz. Os dois líderes venderam 1,28 milhões de veículos e 1,19 milhões de unidades, respectivamente.

A Audi obteve ? 33,62 bilhões (US$ 52,6 bilhões) em vendas no mundo todo em 2007, e registrou um Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de ? 2,92 bilhões.

(Redação - InvestNews)