Petrobras conclui aquisição de refinaria da ExxonMobil no Japão

Agência EFE

RIO - A Petrobras concluiu hoje o processo de compra de uma refinaria no Japão que pertencia à petrolífera americana ExxonMobil, por US$ 50 milhões, informou a empresa. A Petrobras e a TonenGeneral, subsidiária de ExxonMobil, concluíram o acordo - anunciado no final do ano passado - para a compra de 87% da refinaria Nansei Sekiyu, em Okinawa, explicou a companhia em um comunicado. "O negócio representa um marco muito importante para a Petrobras que, pela primeira vez, entra na Ásia em operações de refino", destacou.

Os 12,5% restantes ficarão com a acionista minoritária Sumitomo Corporation. A refinaria de Nansei tem capacidade para processar 100 mil barris de petróleo leve por dia, e produz derivados de alta qualidade e nos padrões do mercado japonês. Também dispõe de um terminal de petróleo e derivados para armazenar 9,6 milhões de barris, e possui três píeres capazes de receber navios com capacidade de 97 mil toneladas de peso útil. A Petrobras explicou que deve usar essas instalações para impulsionar o negócio de biocombustíveis no Japão e no mercado asiático.