Exportação de mel cresce 2,8% em fevereiro

SÃO PAULO, 20 de março de 2008 - A exportação de mel alcançou US$ 2,1 milhões em fevereiro, o equivalente a um crescimento de 2,8% em comparação com janeiro e 142% em relação a fevereiro de 2007.

O principal destino para as exportações do Brasil permanece com os Estados Unidos. Eles importaram cerca de US$ 1,83 milhão de mel brasileiro, o que significou mais de 87% do valor bruto negociado com o mercado exterior.

Todo esse volume de exportações para os Estados Unidos em fevereiro apresentou mais de 112% no valor das exportações em relação ao mesmo período do ano passado.

O Estado de São Paulo lidera as exportações brasileiras de mel com 39,4%, o equivalente a US$ 828,8 mil. Em segundo lugar vem o Rio Grande do Sul com US$ 461,3 mil, logo vem o Paraná com US$ 372,8 mil.

Em fevereiro, o preço médio do mel exportado foi de US$ 1,92/Kg, apontado como o melhor preço nos últimos três anos. Mas o melhor preço foi do Ceará, US$ 2,06/Kg, depois Santa Catarina, US$ 2,03/Kg, Paraná com US$1,95/Kg e São Paulo com US$ 1,93/Kg. Os estados do Piauí e Rio Grande do Norte ficaram com preços abaixo da média com US$ 1,62/Kg e US$ 1,65/Kg respectivamente.

O estudo foi elaborado pelos coordenadores nacionais dos projetos de Apicultura do Sebrae Nacional e da Rede Apicultura Integrada Sustentável (Rede Apis) Reginaldo Resende e Lazara de Fátima Borges. A referência é o Sistema de Análise das Informações de Comércio Exterior via Internet (Alice Web), da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

(Redação - InvestNews)