Próxima da Vale, Xstrata tem produção recorde

SÃO PAULO, 25 de fevereiro de 2008 - Próxima de ser adquirida pela brasileira Vale, segundo o jornal britânico "Sunday Times", a mineradora anglo-suíça Xstrata anunciou hoje os dados referentes a sua produção em 2007. O balanço da companhia apontou para uma produção anual recorde de coque e carvão térmico, liga ferrocromo, níquel, zinco e platina. Além disso, a companhia registrou recorde de produção de cobre no segundo semestre.

O anúncio feito nesta segunda-feira amplia a atratividade da companhia anglo-suíça, ao mesmo tempo em que pode tornar mais cara a operação de compra do grupo europeu pela Vale, ex-Companhia Vale do Rio Doce.

Apesar disso, a aquisição deverá ser finalizada em breve, segundo o "Sunday Times". A publicação britânica acredita que o negócio poderia ser fechado até mesmo nesta semana. Para isso, a Vale deverá ampliar sua oferta para 46 libras por ação, valor superior a US$ 90 bilhões.

Principal destaque dos resultados da Xstrata, a produção de zinco da companhia teve expansão de 10% em 2007, frente ao ano anterior, para 735,5 mil toneladas. A produção de níquel somou 52,1 mil toneladas, uma expansão de 0,8% sobre 2006. Já a produção de cobre, apesar do recorde entre julho e dezembro, teve queda de 2%, para 986,6 mil toneladas.

(Redação - InvestNews)