Virtual Office cresce 15% em 2007

SÃO PAULO, 9 de janeiro de 2008 - O aumento de 30% pela procura por escritórios virtuais em São Paulo em 2007 impulsionou empresas do setor a oferecerem mais espaços e serviços. Um exemplo disso é o Virtual Office, empresa de escritórios virtuais que inaugurou em outubro último sua segunda unidade na Av. Paulista.

Segundo Mari Gradilone, diretora do Virtual Office, a empresa cresceu 15% em 2007. ´A nova unidade da Paulista, a grande procura por serviços de ATP (atendimento personalizado) e por salas de reunião e treinamento, além do aluguel de salas exclusivas ajudou muito a difundir o serviço do Virtual Office no ano passado. O crescimento também refletiu em novas contratações de funcionários qualificados para atender a demanda´, diz a executiva, em nota.

Na Paulista II a empresa investiu cerca de R$ 150 mil. Com a nova filial a empresa aumentou em 20% o número de clientes. ´Como o Virtual Office está em expansão, a filial na Avenida Paulista foi proposital, já que está localizada no centro da capital, ao lado do metrô´, explica Gradilone.

No Virtual Office, o cliente pode alugar uma sala exclusiva com móveis de escritório, ar condicionado e acesso wireless para Internet e ainda ter a disposição todo o serviço de recepcionistas bilíngües e telefonistas, que atendem e anotam recados, inclusive de seus celulares. Além disso, o empresário pode contar com o Virtual Mannager Web, uma página virtual que mostra em tempo real anotações, recados e agendamentos - acessível em qualquer lugar onde o executivo se encontra.

Para 2008 a empresa está estudando alguns planos conjuntos para empresas estrangeiras com contabilidade e advocacia, para bancos, profissionais liberais, entre outros. ´Queremos crescer perto de 20% este ano´, prevê Mari.

(Redação - InvestNews)