Custo no RJ acumula alta de 6,47% em 2007

SÃO PAULO, 8 de janeiro de 2008 - O Custo Unitário Básico da Construção Civil (CUB Representativo), calculado pelo Departamento Técnico do Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado do Rio de Janeiro (Sinduscon-Rio), registrou aumento de 6,47% em 2007. Em dezembro, o índice subiu apenas 0,10%, percentual mais uma vez bem inferior ao IGP-M do período que ficou em 1,76%.

O preço dos materiais praticamente não variou nos últimos 30 dias do ano e o CUB Materiais atingiu apenas 0,20%, valor puxado por altas do bloco cerâmico (3,7%), do registro de pressão cromado (2%) e da brita 2 (1,11%). Os demais 22 insumos avaliados não registraram alta.

"O aumento de 6,47% registrado em 2007 superou os 6,01% apurados em 2006, mas ficou abaixo da variação de 7,75% do IGP-M. O aumento de custo em 2007 teve como principais componentes o cimento, que subiu 27,27%, e o bloco de concreto estrutural, com aumento recorde de 58,27%", avalia o diretor-executivo do Sinduscon-Rio, Antônio Carlos Mendes Gomes.

O novo CUB Representativo, apurado em 31/12/07, é de R$ 750,54, soma total do CUB Materiais (R$ 363,84), CUB Mão-de-Obra (R$ 362,51), CUB Despesas Administrativas (R$ 23,05) e CUB Equipamentos (R$ 1,13).

(Redação - InvestNews)