Fluxo positivo prevalece e dólar cai

SÃO PAULO, 27 de dezembro de 2007 - Ainda em clima de final de ano, o dólar comercial teve uma manhã de negócios reduzidos, oscilando entre a mínima de R$ 1,764 e a máxima de R$ 1,770. Há pouco, a divisa era comprada a R$ 1,764 e vendida a R$ 1,766, com declínio de 0,37%.

Sem notícias de impacto, a moeda ficou mais uma vez à mercê do fluxo, e como as entradas prevaleceram o dólar se mantém em queda. Ao contrário do que se esperava, as exportações continuam fazendo a diferença. Apesar disso, o volume foi pouco expressivo, mas, como ocorreu dentro de uma sessão de baixa liquidez, acabou interferindo no rumo da moeda.

No mercado externo, os investidores monitoraram o número de novos pedidos de seguro desemprego nos Estados Unidos que registrou um aumento de mil pedidos na última semana encerrada em 22 de dezembro, somando 349 mil novas requisições. A expectativa do mercado era de um recuo no número de novos pedidos de 346 mil para 340 mil.

(Maria de Lourdes Chagas - InvestNews)