Analistas elevam para 4,35% previsão do IPCA neste ano

SÃO PAULO, 24 de dezembro de 2007 - A projeção para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), ao final deste ano, subiu de 4,21% para 4,35%. Já a previsão para o índice em 12 meses avançou de 4,1% para 4,32%. Em 2008, a expectativa é de que o IPCA atinja 4,25%, face taxa de 4,2% estimada na semana passada. Os dados fazem parte da sondagem realizada semanalmente pelo Banco Central (BC) com as principais instituições financeiras do País que consta no Boletim Focus produzido em 21 de dezembro.

Segundo os analistas, o Índice Geral de Preços - Disponibilidade Interna (IGP-DI) deve terminar este ano em 7,76%, frente 7,25% projetado na semana passada. A estimativa para 12 meses avançou de 4,49% para 4,64%. Em 2008, a expectativa para o IGP-DI subiu de 4,2% para 4,5%. A estimativa para o Índice Geral de Preços ao Mercado (IGP-M) em 2007 saltou de 7,16 para 7,29%. Em 12 meses, a projeção caiu de 4,69% para 4,67%. Para 2008, os profissionais esperam que o índice atinja 4,5%.

Para o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), apurado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe/USP), os analistas projetam inflação de 4,24% ao final deste ano, contra taxa de 3,98% apontada na semana passada. Em 12 meses, a previsão recuou de 3,91% para 3,89%. Para 2008, a expectativa permanece a mesma: 4%.

Os analistas mantiveram a projeção para os preços administrados - as tarifas públicas - em 2% neste ano. Para 2008, a taxa permanece em 3,7%.

(Vanessa Stecanella - InvestNews)