Índice registra alta de 0,64% e opera descolada de EUA

SÃO PAULO, 29 de novembro de 2007 - A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) operou com volatilidade esta manhã, aguardando a abertura dos mercados norte-americanos. Há pouco, a bolsa paulista registrava valorização de 0,64%, aos 62.111 pontos. O giro financeiro estava em R$ 2,57 bilhões.

Nesta manhã, importantes indicadores norte-americanos foram divulgados e mexeram com o humor dos investidores. O Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos apresentou crescimento de 4,9% no terceiro trimestre de 2007, de acordo com estimativas do Departamento de Comércio dos Estados Unidos e em linha com o aguardado pelo mercado. Já as solicitações de auxílio-desemprego subiram em 23 mil na semana encerrada dia 24 de novembro e surpreendeu os analistas que esperavam crescimento menor do que o apresentado.

Em contrapartida, as cotações do petróleo dispararam depois de um incêndio em um oleoduto canadense que transporta petróleo aos Estados Unidos, o maior consumidor mundial de energia. Há pouco, o barril de petróleo do tipo WTI, com vencimento em janeiro, registrava alta de 2,8%, US$ 93,11, na Bolsa de Mercadorias de Nova York (NYMEX, na sigla em inglês). Porém a commodity chegou a avançar mais de 5%, cotada a US$ 95,17 durante a manhã. Já o barril do tipo Brent, com vencimento em janeiro, subia 2,3%, para US$ 91,88, na ICE Exchange de Londres.

Na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE, na sigla em inglês), o índice Dow Jones Industrial Average operava em queda de 0,52%, aos 13.222 pontos. O S&P 500 caía 0,68%, para 1.459 pontos. E na bolsa eletrônica, o índice composto Nasdaq recuava 0,42%, para 2.651 pontos.

Dentre os destaques positivos do Ibovespa está Bradespar PN, que avançavam 3,21%, a R$ 49,80; Telemar PN, que registravam ganhos de 2,69%, a R$ 36,98; e Perdigão ON, que subiam 2,48%, a R$ 42,83. No sentido oposto, Souza Cruz ON caía 2,58%, a R$ 48,71; Eletrobras ON, com queda de 1,98%, a R$ 24,17; e Tam PN, com desvalorização de 1,81%, a R$ 48,63.

Na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM&F), o Ibovespa com vencimento em dezembro registrava alta de 0,32%, a 62.200 pontos.

(Vanessa Correia - InvestNews)