Petrobras vai investir em redução de enxofre

SÃO PAULO, 28 de novembro de 2007 - A Petrobras vai investir R$ 9 bilhões até 2012 para reduzir o teor de enxofre no diesel e comercializá-lo, a partir de 2009, com 50 ppm para veículos pesados. No inicio da década de 90, o teor de enxofre no diesel era de 13.000 ppm e, atualmente, é de 500 ppm.

De acordo com nota divulgada ontem (27) pela companhia, esses veículos adotarão uma nova tecnologia para se adequarem às exigências da fase P-6 do Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores (Proconve), instituído pelo Conselho Nacional de Meio Ambiente (Conama). Essa nova tecnologia deverá utilizar um sistema de pós-tratamento dos gases de escapamento, à base de uréia, que na Europa utiliza um diesel com teor de enxofre de 50 ppm.

A Petrobras afirmou que participa do Proconve desde o início, em 1986, e tem cumprindo todas as metas de qualidade previstas.

(Redação - InvestNews)