Turistas de negócios gastam R$ 1 bi em SP

SÃO PAULO, 30 de outubro de 2007 - O aumento do mercado de feiras no Brasil gera uma série de benefícios para as cidades sede dos eventos. São Paulo é a que mais lucra com os encontros e, conseqüentemente, com o turismo corporativo gerado pelas feiras. Responsável pela realização de 75% dos encontros de negócios do País, a cidade recebe, por ano, 4 milhões de profissionais, sendo que 42 mil estrangeiros entre expositores e compradores, vindos de mais de 60 países exclusivamente para participar dos eventos.

Os chamados 'turistas de negócios' gastam três vezes mais do que os turistas de passeio, com hospedagem, alimentação, transporte e compras, de acordo com dados da União Brasileira dos Promotores de Feiras (Ubrafe). A cada três turistas que chegam a São Paulo, um desembarca para participar de uma feira. A entidade estima que os gastos dos visitantes de negócios ultrapassem R$ 1 bilhão por ano na cidade.

(Sérgio Toledo - InvestNews)