Anbid cria código de relacionamento com family offices

SÃO PAULO, 30 de outubro de 2007 - A Associação Nacional dos Bancos de Investimento (Anbid) levou para audiência pública um novo código de auto-regulamentação que trata do relacionamento dos bancos com as multi family offices, escritórios independentes que trabalham com a gestão de fortunas. Segundo o o vice-presidente da Anbid, Celso Scaramuzza, ao contrário dos bancos que são regulados pelo Banco Central (BC) e pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM), essas instituições independentes não têm uma regulamentação própria em relação a critérios como sigilo bancário, responsabilidade na gestão de fundos e compliance, por isso a Anbid resolveu criar um código que regulamenta o relacionamento do private banking com as family offices na parceria para o desenvolvimento e gerenciamento da gestão de fortunas.

Segundo ele, o relacionamento com os clientes das family offices é interessante para o private banking à medida que essa área possa oferecer novos serviços e soluções financeiras para esses clientes que não só a distribuição de produtos.

(Silvia Regina Rosa - InvestNews)