Petrobras muda Petros e terá R$700 mi de despesas extras em 2007

REUTERS

RIO - A Petrobras anunciou na sexta-feira que fará mudanças em seu plano de pensão, o Petros, que gerarão um acréscimo de 700 milhões de reais nas despesas de 2007.

A diretoria executiva da estatal decidiu realizar mudanças nas regras que regem o Petros para cancelar processos movidos por trabalhadores na Justiça contra a empresa envolvendo o plano de pensão.

A empresa informou que as mudanças têm de ser aprovadas por autoridades governamentais.

A estatal vai pagar 4,77 bilhões de reais por 20 anos, segundo os termos do acordo, informou a Petrobras em comunicado.