Ministro quer rádio digital no Brasil em 2008

SÃO PAULO, 20 de junho de 2007 - O ministro das Comunicações, Hélio Costa, afirmou hoje (20) que o padrão para a transmissão de rádio digital no país deve ser definido até setembro e que, ainda em 2008, a nova tecnologia já estará no ar no país.

´Temos como objetivo até setembro decidir o padrão e informar as indústrias sobre as especificações técnicas do rádio digital para que em 2008 estejamos transmitindo digitalmente e comercialmente no rádio em todo o país´, disse, logo após reunião do Conselho de Rádio Digital. ´Até lá teríamos condição de fazer os últimos testes com os dois sistemas que estão sendo colocados ,que é o sistema americano e o europeu.´

O setor empresarial de radiodifusão já manifestou publicamente a preferência pelo sistema norte-americano, o Iboc (In Band - On Chanel), que vem sendo testado no país. Essa escolha é vista com reserva pelos que defendem a digitalização como uma oportunidade de democratizar a radiodifusão no país, incluindo um número maior de rádios no espectro. Hélio Costa afirmou que essa não é a posição do governo. ´Há uma tendência, não é do ministério, não é do governo, há uma tendência entre radiodifusores que leva ao sistema Iboc.´

Hélio Costa não descartou a adoção de mais de um padrão, já que o americano não faz transmissões em ondas curtas (OC). O europeu, por sua vez, não contempla a FM. ´A proposta do rádio digital no Brasil vem com a exigência de que seja atendido o rádio AM, FM e OC. O sistema Iboc já tem testes sendo conduzidos no Brasil atendendo AM e FM e estamos iniciando entendimentos para que seja conduzido teste de OC com o sistema europeu, que é o único que tem OC´. Ele citou como exemplo o que hoje ocorre com a TV. ´A TV a cabo no Brasil é atendida pelo sistema europeu, e o sistema aberto é o sistema japonês.´

Para financiar a migração das rádios para o digital, o ministro informou que a intenção é seguir o modelo adotado para o caso da TV. ´Temos a participação do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social junto com o banco de desenvolvimento do Japão e agora queremos que esse mesmo procedimento seja cumprido também para o rádio digital.´

Representantes da Associação Nacional de Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) foram convidados para a próxima reunião do Conselho de Rádio Digital, que deve ocorrer dentro de duas semanas. A articulação com a indústria automobilística deve-se ao fato de que existe a intenção de incluir rádios digitais nos carros a serem vendidos a partir de 2008.

As informações são da Agência Brasil.

(Redação - InvestNews)