VCP redimensiona fábrica no Mato Grosso

SÃO PAULO, 4 de junho de 2007 - A Votorantim Celulose e Papel (VCP) anunciou mais informações sobre a construção de uma fábrica de celulose branqueada de eucalipto em Três Lagoas (MS), denominado Projeto Horizonte. A construção da unidade iniciou-se sob o comando da International Paper (IP), antiga titular do projeto.

A unidade industrial terá uma capacidade nominal de 1,3 milhão de toneladas anuais de celulose com o valor total da fábrica estimado em aproximadamente US$ 1,5 bilhão. O início da produção está estimado para maio de 2009.

De acordo com a VCP, a capacidade e o valor do projeto foram redimensionados em relação às previsões anteriores em função de três fatores principais. Alterações das condições de mercado como aumento dos preços internacionais das commodities; Apreciação das moedas em relação ao dólar e forte demanda por equipamentos em todos os setores da economia. "Frente a isto a VCP buscou no aumento da capacidade tornar a unidade mais competitiva, otimizando o valor do investimento por tonelada", destaca o comunicado.

Pelas estimativas da empresa, o custo de produção somado ao de transporte deve ficar entre US$ 190 a US$ 210 por tonelada, montante entre 10% e 20% abaixo do custo de produção mais transporte da celulose produzida na unidade de Jacareí atualmente.

O investimento fez parte da troca de ativos com a IP, em que a VCP recebeu a unidade em construção totalmente paga, nos moldes de turn-key conforme contrato de empreitada celebrado entre IP e Poyry Empreendimentos Industriais.

A VCP fornecerá aproximadamente 160 mil toneladas anuais de celulose para a International Paper, a preços competitivos, volume este que será utilizado para a produção de papel em uma máquina a ser instalada junto à unidade de celulose. Os volumes de produção serão direcionados prioritariamente à exportação.

(Redação - InvestNews)