Senador considera agressão declaração de Chávez

SÃO PAULO, 1 de junho de 2007 - O senador Valter Pereira (PMDB-MS) disse, em discurso no Plenário, nesta sexta-feira, que considera uma agressão ao Congresso brasileiro a declaração do presidente da Venezuela, Hugo Chávez, de que o Congresso brasileiro age como um papagaio ao manifestar-se, como o Congresso americano, contra a suspensão do canal de televisão da empresa da RCTV.

"O que ele mostra é o traço típico de todos os ditadores. Todos eles são intolerantes contra qualquer manifestação contrária", declarou Valter Pereira.

Valter Pereira criticou a declaração de Hugo Chávez de que as manifestações de senadores brasileiros contra a posição do governo venezuelano se explicam pelo fato de o Congresso brasileiro ser dominado por partidos de direita que se opõem à entrada da Venezuela no Mercosul.

As informações são da Agência Senado.

(Redação - InvestNews)