Nikkei tem novo recorde e está perto dos 18 mil pontos

SÃO PAULO, 1 de junho de 2007 - A Bolsa de Tóquio fechou em alta nesta sexta-feira, impulsionada pelos bons resultados de Wall Street e pela valorização do iene. O índice Nikkei 225 registrou seu maior nível em três meses e subiu 0,46%, para 17.958,88 pontos. Já o indicador Topix, que reúne todos os valores da primeira sessão, avançou 0,69%, para 1.767,88 pontos.

No acumulado da semana, o Nikkei avançou 2,7%. Os analistas se mostram otimistas para que o índice alcance os 18 mil pontos na próxima semana, desde que os mercados dos EUA e Europa permaneçam fortes. Os temores de que as bolsas chinesas pudessem derrubar os demais mercados asiáticos foram infundados pelos economistas.

Destaque na sessão de hoje para o setor siderúrgico e para as empresas exportadoras. Os títulos da mineradora Nippon Steel avançaram 2,82% e os da Kobe Steel apresentaram ganho de 2,63%.

Entre as companhias exportadoras, as ações da montadora Toyota subiram 2,19% e os papéis da Honda tiveram alta de 0,70%. O setor foi beneficiado pelo otimismo dos investidores em relação à economia dos Estados Unidos.

Os papéis da exportadora Itochu Corp também encerraram no patamar positivo e cresceram 3,91%, devido ao anúncio de que o Morgan Stanley elevou o preço das ações da companhia.

Em terreno negativo, a realização de lucro dos investidores provocou queda nas ações da Japan Tobacco e da Sony Corp, que tiveram baixa de 1,10% e 1%, respectivamente.

(Marcel Salim - InvestNews)