Receita investiga denuncias da Operação Navalha

SÃO PAULO, 31 de maio de 2007 - O ministro da Fazenda, Guido Mantega, confirmou hoje (31) que a Receita Federal está investigando os envolvidos na Operação Navalha. "Quando vem alguma denúncia, automaticamente o Ministério Público aciona a Receita Federal para que faça uma investigação nas contas daqueles sobre os quais existe uma suspeita", explicou.

Mantega evitou falar em nomes. Quando questionado sobre uma possível investigação nas contas do presidente do Congresso, senador Renan Calheiros, respondeu que nunca pede os nomes. "É um mecanismo automático que existe e que o ministro não interfere absolutamente. Normalmente todos os nomes que aparecem com alguma denúncia são investigados. Sejam eles de qual partido forem", disse.

O ministro Mantega também negou que as obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) estejam paralisadas por causa das denuncias de corrupção envolvendo alguns de seus projetos. "O PAC está andando. Houve alguma suposição de algumas obras que nem tinham sido começadas, isso não atrapalha em nada".

Segundo dados da secretaria do Tesouro, de janeiro a abril o governo empenhou R$ 1,9 bilhão dos R$ 15 bilhões a serem investidos no PAC este ano.

(Redação - InvestNews)