Inflação ao consumidor de SP sobe 0,38% na 1ª leitura de maio

REUTERS

SÃO PAULO - O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) de São Paulo registrou alta de 0,38 por cento na primeira quadrissemana de maio, seguindo alta de 0,33 por cento apurada no fechamento de abril, informou a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) nesta quinta-feira.

Os preços do grupo Vestuário tiveram a maior alta do período, quando avançaram 1,11 por cento, ante ganho de 0,90 por cento no fechamento do mês passado.

Os preços do grupo Alimentação recuaram 0,14 por cento, a única queda da primeira quadrissemana de maio.

No grupo Habitação, os preços subiram 0,29 por cento no início deste mês, uma ligeira aceleração frente à alta de 0,26 por cento de abril.

Os custos no grupo Despesas Pessoais também aceleraram. Nessa primeira quadrissemana os preços subiram 0,68 por cento, ante 0,43 por cento na quadrissemana anterior.

O IPC mede a variação dos preços no município de São Paulo de famílias com renda até 20 salários mínimos.