Bolívia: Congresso aprova os 44 contratos das petrolíferas

Agência EFE

LA PAZ - O Congresso da Bolívia aprovou por unanimidade nesta quinta-feira os 44 contratos do Governo com as companhias petrolíferas, 37 de exploração e sete de prospecção, que foram assinados há quase seis meses pelo presidente Evo Morales com doze multinacionais.

A aprovação dos contratos, assinados no marco da nacionalização dos hidrocarbonetos, aconteceu em uma sessão conjunta do Senado, de maioria opositora, com a Câmara dos Deputados, controlada pelo partido governista Movimento Ao Socialismo (MAS).

A sessão, liderada pelo vice-presidente do país e titular do Congresso, Álvaro García Linera, começou por volta das 15h (16h de Brasília) e terminou depois das 18h30 (19h30 de Brasília GMT).