Gestores mais pessimistas quanto aos lucros

SÃO PAULO, 18 de abril de 2007 - Os gestores de fundos de investimentos com posições nos chamados Mercados Emergentes Globais (GEM) se tornaram fortemente pessimistas quanto ao futuro dos lucros para os emergentes nos últimos dois meses. A percepção foi captada pela Pesquisa Mensal com Gestores GEM, realizada pelo banco de investimentos Merrill Lynch.

Em fevereiro, 78% dos entrevistados estimava uma melhora sensível nos lucros, percepção que caiu para 39% em março e chega em abril com apenas 29%. Do lado oposto, os 11% que apostam em piora sensível nos lucros vieram avançando, atingido 52% agora em abril.

Apesar de mais pessimistas, 72% indicam que é provável ou bastante provável que os lucros cresçam 10% ou mais dentro dos próximos 12 meses.

Ainda de acordo com a pesquisa, os gestores seguem modestamente com posições acima da média em GEM. Os dados deixam claro também uma mudança de preferência, com grande favorecimento aos mercados da Zona do Euro e uma forte diminuição das posições em EUA.

Em 12 meses, a inclinação dos investidores é ficar com posições abaixo da média em GEM, mas a convicção de ficar abaixo da médio em EUA cresceu fortemente.

(EC - InvestNews)