Empresas negociam R$ 133 bi pela internet no trimestre

SÃO PAULO, 18 de abril de 2007 - Os negócios movimentados entre empresas no primeiro trimestre deste ano somaram R$ 133,4 bilhões. O resultado representa um crescimento 43,5% em relação ao mesmo período de 2006 e foi apurado pelo estudo Índice B2B On-Line (B2BOL), divulgado trimestralmente pela E-Consulting e pela Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (Camara-e.net).

O levantamento se divide em duas categorias. O chamado B2BOL Companies, que analisa as transações feitas por intermédio de portais proprietários das empresas (como, por exemplo, o que a Petrobras transaciona com seus fornecedores ou distribuidores), foi responsável por R$ 116,7 bilhões, um crescimento de 48,6%. O B2BOL E-Marketplaces, que compreende as negociações efetivadas via portais B2B independentes, alcançou R$ 16,7 bilhões, expansão de 15,9%.

Segundo o diretor de Estratégia e Conhecimento da E-Consulting e VP de Métricas e Conhecimento da Camara-e.net, Daniel Domeneghetti, o índice de B2BOL vem apresentando uma tendência de crescimento constante a cada trimestre avaliado, que se deve, principalmente, a dois fatores: a substituição dos canais tradicionais de negociações, a estabilidade macroeconômica do País e também a retomada de planos de investimentos e projetos.

(Redação - InvestNews)