Tesla: depois dos carros elétricos, quer agora explorar o mundo das Criptomoedas

...

Foto: divulgação
Credit...Foto: divulgação

No último dia 14, o magnata Elon Musk utilizou o Twitter para anunciar que a Tesla iria aceitar a criptomoeda Dogecoin como forma de pagamento para alguns dos seus produtos, num teste-piloto para analisar a viabilidade deste método de pagamento.

As criptomoedas são voláteis e extremamente sensíveis a este tipo de notícias. No mesmo dia deste anúncio, a Dogecoin valorizou-se cerca de 19%, e o price action indicava que a valorização seria contínua, de acordo com alguns especialistas.

 

O que são criptomoedas?

As criptomoedas são uma forma de pagamento digital cada vez mais utilizada em todo o mundo. Dado o desconhecimento nesta matéria, muitas pessoas associam, erradamente, as criptomoedas com a corrupção e negócios ilegais, porém, recentemente muitos governos já olham de outra forma para este tipo de ativo e inclusive existe um projeto lei no Brasil para a regulamentação delas.

Existem várias moedas digitais em todo o mundo e todos os anos aparecem várias novas, sendo que o que difere entre elas é a tecnologia presente na Blockchain que utilizam. As mais conhecidas e antigas são a Bitcoin e a Etherium, contudo Elon Musk tem a sua própria moeda favorita: a Dogecoin.

 

Por que a Dogecoin?

A Dogecoin é uma criptomoeda criada como uma “moeda piada" que tem por base o meme do cachorrinho conhecido como “doggo”. Como ela foi criada como uma piada, tem uma estrutura simples mas eficiente, que leva a que tenha custos reduzidos de operação que facilitam as transações nesta moeda.

Desde 2019 que Elon Musk começou a fazer tweets sobre a Dogecoin e a trazê-la pra cima do palco. O CEO da Tesla defende que a tecnologia utilizada pela Dogecoin é capaz de ser muito mais barata e eficiente que todas as outras moedas, e logo deverá ser vista como a moeda do futuro.


Existem rumores de que Elon Musk possui grande parte das Dogecoins existentes e que graças a sua exposição e a falta de regulamentação, é possível que ele influencie o valor dela através dos seus tweets, não passando de uma jogada por parte dele para lucrar.

Os defensores destes rumores também alertam que a criptomoeda não deverá ser levada a sério, pois não terá capacidade para ter sucesso em escala mundial, como previsto por Elon Musk.

 

Tesla e a 'moeda piada'

Independentemente de ser ou não uma jogada para lucrar por parte de Elon Musk, a verdade é que já é possível adquirir produtos no site da Tesla através da criptomoeda Dogecoin.

Muitos acreditam que é o início de uma era e que a Tesla será o primeiro de grandes marcas a aceitar criptomoedas como forma de pagamento pelos seus produtos (carros inclusos), principalmente numa altura em que vários governos começam a levá-las mais a sério.

 

Conclusão

As criptomoedas são relativamente novas e começaram a ganhar visibilidade recentemente, muito por causa de famosos que incentivaram o investimento neles. Elon Musk é uma das pessoas com exposição midiática que trouxe ao palco uma das criptomoedas favoritas: a Dogecoin.

Esta moeda digital por sua vez é muito criticada porque muitos especialistas não acreditam no seu potencial e acusam o CEO da Tesla de dar-lhe visibilidade de forma a influenciá-la para poder lucrar com suas variações no preço.

Independentemente das teorias da conspiração por trás das ações de Musk, a realidade é que a Tesla começou a aceitar pagamentos através da moeda digital Dogecoin, apenas para produtos incluídos no que foi anunciado como um teste-piloto para verificar a viabilidade deste método de pagamento para o futuro.

Só o tempo dirá se é tudo uma forma de Elon Musk valorizar a moeda, graças à sua influência na variação do preço, ou se é mesmo uma forma honesta de modernizar a forma faz suas transações.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais